segunda-feira, 26 de julho de 2010

Dia dos Avós

Efeméride lembra importância do papel dos
mais velhos nas famílias

Hoje é dia de Santa Ana e S. Joaquim, pais de Maria e avós de Jesus. Desde 2003 que, em Portugal, 26 de Julho é dedicado a lembrar a importância de quem já viu nascer os filhos dos seus filhos.
De Norte a Sul do país, são centenas as iniciativas previstas para comemorar o dia de hoje, que pretende sublinhar a importância dos avós nas famílias, numa época em que o aumento da longevidade transforma alguns idosos em pilares importantes das estruturas familiares. Exemplo disso são as idosas que cuidam dos netos e bisnetos, mas também dos seus próprios pais – uma situação “transitória”, que se deve ao envelhecimento da população mas que se vai extinguir porque a mulher é mãe cada vez mais tarde.
A tese é defendida por Villaverde Cabral, coordenador do Instituto do Envelhecimento da Universidade
de Lisboa: os casos de coexistência de quatro gerações (tetravós, avós, netos e bisnetos) são “pontuais” e “absolutamente transitórias”. “A percentagem de mulheres a ter o primeiro filho depois dos 40 anos é cada vez maior e é evidente que essa pessoa não vai ter fi lhos contemporâneos dos bisavós”, afirma.
Entre as muitas iniciativas marcadas para hoje, está o Congresso Internacional “A Voz dos Avós: Migração e Património Cultural”. A reunião decorre em Lisboa, organizada pela “Pro Dignitate”,
e contará com a presença de diversos especialistas em temas relacionados com a família.


Fonte: http://mediaserver.rr.pt/rr

1 comentário:

Juliana Pires de Sousa disse...

Parabéns a todos os vovôs e vovós pelo seu dia!

Beijos